Câncer Infanto-adolescente e Educação: a negação do acesso à formação escolar durante o tratamento

Ana Carla Bezerra Vales, Carmem Gabriella Bezerra Vales, Mauricelia Cordeira da Silva

Resumo


O presente artigo trata dos resultados da pesquisa realizada no Hospital Napoleão Laureano a respeito do acesso à educação de crianças e adolescentes em tratamento de câncer. Tem como objetivo analisar as determinações configuradoras das políticas sociais no Brasil; problematizar a legislação existente sobre educação especial, e discutir limites existentes para a efetivação do direito à educação especial do público em questão. A pesquisa tem como perspectiva teórico-metodológica o método de Marx, para a qual foi realizada pesquisa documental e de campo. Dentre os principais resultados constatamos a desreponsabilização do Estado na efetivação do direito e o desconhecimento, de profissionais, pais e responsável sobre os dispositivos legais que fundamentam o mesmo.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.