Dança – Lembrança do Sertão de Heitor Villa-Lobos: construindo a interpretação da redução para piano

Lúcia Silva Barrenechea

Resumo


Este artigo discute a relação entre duas versões de Dança – Lembrança do Sertão (terceira peça do ciclo das Bachianas Brasileiras n. 2) de Heitor Villa-Lobos (1887-1959), feitas pelo próprio compositor – uma orquestral e outra para piano solo –, apresentando reflexão que ofereça subsídios para tomada de decisões na construção de uma interpretação informada da versão para piano. Questões sobre interpretação musical são levantadas à luz dos escritos de Kendall Walton (2009). Vários aspectos relevantes, como andamento, idiomatismo instrumental e uso de rubato são discutidos.


Palavras-chave


Heitor Villa-Lobos. Lembrança do Sertão. Redução para piano. Interpretação Musical.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.