Considerações sobre o processo composicional em Sonatina para Piano e Fagote.

Willian Fernandes de Souza

Resumo


Esta comunicação apresenta uma reflexão sobre o relato de pensamentos composicionais da obra Sonatina para Piano e Fagote. Buscou-se processos subliminares através do cotejamento entre uma análise formal com o próprio relato. Como eixo de discussão, analisamos dificuldades e facilidades no processo composicional. Pudemos averiguar que a auto-análise proporcionou considerações sobre funções de repetições; intensificações e apassivações em texturas e; transformações harmônicas em larga escala. Consideramos também que este tipo de estudo pode favorecer uma pedagogização da composição e abrir uma possibilidade de interação entre o compositor e intérprete.


Palavras-chave


Protocolos de composição. Processo composicional. Análise musical.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.