TELENOVELA E REPRESENTAÇÃO: A CONSTRUÇÃO DE PERSONAGENS NEGRAS EM AMOR DE MÃE

Autores

  • Matheus Effgen Santos Universidade Federal do Espírito Santo (UFES)
  • Gabriela Santos Alves Universidade Federal do Espírito Santo (UFES)

Palavras-chave:

Telenovela. Representatividade. Mulheres Negras. Raça. Amor de Mãe.

Resumo

Este trabalho tem como objetivo analisar de forma exploratória a construção de duas personagens negras na telenovela Amor de Mãe (2017), produzida e exibida pela Rede Globo. O texto integra uma pesquisa maior, desenvolvida em nível de mestrado, que busca analisar as eventuais atualizações na produção de sentido e de representatividade de personagens negras nas telenovelas do horário das 21h. Portanto, como base teórica foram recuperados os trabalhos de autores(as) que refletiram sobre a questão de maneira quantitativa e qualitativa ao longo do desenvolvimento do campo das telenovelas brasileiras. A análise foi realizada a partir da seleção de todas as cenas em que estiveram presentes Camila (Jéssica Ellen) e Vitória (Taís Araújo), duas das personagens em destaque da trama, durante primeira semana de exibição da telenovela. Os resultados demonstram que a posição proeminente ocupada por essas personagens na narrativa abre a possibilidade de uma construção ampla e que possibilita a exploração de esferas distintas na trama de cada uma delas. Apesar do debate em torno da raça não ter ficado explícito nesse primeiro momento, a trama aciona aspectos relacionados à vivência feminina como a maternidade e sua experiência no mercado de trabalho como arcos narrativos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Matheus Effgen Santos, Universidade Federal do Espírito Santo (UFES)

Mestrando do curso de Pós-graduação em Comunicação e Territorialidades da Universidade Federal do Espírito Santo (Póscom/UFES).

Gabriela Santos Alves, Universidade Federal do Espírito Santo (UFES)

Professora orientadora - Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Territorialidades da Universidade Federal do Espírito Santo (Póscom/UFES).

Referências

ARAÚJO, Joel Zito. A negação do Brasil: O negro na telenovela brasileira. 2. ed. São Paulo: Senac, 2004.

CAMPOS, Luiz Augusto; FERES JÚNIOR, João. Televisão em cores?: raça e sexo nas telenovelas “Globais” dos últimos 30 anos. Textos para Discussão GEMAA, Rio de Janeiro, n. 10, p. 1-23, 2015.

FARIA, Maria Cristina Brandão; FERNANDES, Danubia de Andrade. Representação da identidade negra da telenovela brasileira. E-Compós, v. 9. São Paulo. 2007.

HALL, Stuart. A identidade cultural na pós-modernidade. Rio de Janeiro: DP&A Editora, 1998.

HAMBURGER, Esther. O Brasil Antenado: a sociedade da telenovela Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor, 2005.

LIMA, Solange Martins Couceiro de. A personagem negra da telenovela brasileira: alguns momentos. In: Revista USP, n. 48, p. 88-99. São Paulo: USP, 2001.

LOPES, Maria Immacolata Vassallo. Telenovela brasileira: uma narrativa sobre a nação. In: Comunicação & Educação, v. 26, p. 17- 34. São Paulo: USP, 2003.

SADEK, José Roberto. Telenovela: um olhar do cinema. São Paulo: Summus, 2008.

Downloads

Publicado

2020-09-28