JOANA, ENTRE O SER E O TORNAR-SE: A REPRESENTAÇÃO DO FEMININO E A VIAGEM EM PERTO DO CORAÇÃO SELVAGEM

Autores

  • Lilian Lima Gonçalves dos Prazeres Ufes

Resumo

Resumo: Estudo da representação de gênero na literatura brasileira. O presente trabalho inscreve-se como análise de caráter teórico-crítico da representação do feminino na obra de Clarice Lispector, particularmente, no romance Perto do coração selvagem. Toma-se como ponto de partida as teorias de gênero de autores consagrados na área da crítica literária feminista, para traçar o perfil de personagens clariceanas de que são exemplares os retratos de Joana, protagonista da obra em foco. Além disso, analisa-se a viagem, elemento mítico que permeia o universo da personagem estudada. Portanto, tem-se como suporte teórico os estudos de Elódia Xavier, Simone de Beauvoir para o estudo das questões ligadas ao gênero; e Jean Chevalier, Mircea Eliade e outros estudiosos para subsidiar o estudo do mito da viagem na obra em análise.

Palavras-chave: Clarice Lispector. Gênero. Viagem.

Abstract: A study on gender representation in Brazilian literature. This paper consists of an theoretical critical analysis of the femine’s representations in the works of Clarice Lispector, particularly in the romance Perto do coração selvagem. The starting point are the Gender Theories of canonical authors of feminist literary criticism, chosen in order to trace the figure of claricean characters, of which are representative the literary portraits of Joana, the protagonist in focus. Moreover, the journey, the mythical element that permeates the universe of the character, is analysed. Thus are used as theoretical support the studies of Elódia Xavier and Simone de Beauvoir regarding aspects linked to Gender Theory, as well as the studies of Jean Chevalier, Mircea Eliade and other scholars regarding the myth of the journey in this romance.

Keywords: Clarice Lispector; Gender; Journey.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2016-02-01